in

Dieta dos pontos: como fazer, cardápio e tabela de pontos

Dieta dos Pontos e Tabela Gratuita

Dieta dos Pontos: Como Funciona, Limites Diários e Cardápio

 

A não ser que você tenha passado a vida toda em reclusão, provavelmente já ouviu falar da dieta dos pontos. Ela foi desenvolvida pelos Vigilantes do Peso, e segue um sistema de pontos que separa as comidas de acordo com a quantidade ideal para o dia.

 

A quantidade de calorias, gordura e fibra determinam quantos pontos cada comida vai te custar.

 

Comidas ricas em gorduras tendem a custar mais pontos do que comidas ricas em fibras.

 

O total diário de pontos que você tem para gastar depende do seu peso, bem como as atividades físicas que você vai fazendo.

 

Contar pontos nada mais é do que contar calorias – só que desprivilegiando a gordura, que tende a custar mais pontos, e estimulando as fibras.

 

O objetivo desta dieta é ser flexível e caber no estilo de vida de qualquer um.

 

Características pessoas, como idade, altura e tipo físico são consideradas para achar a pontuação ideal diária, bem como o valor de cada alimento.

 

O cardápio final segue os gostos de cada um, e consegue diminuir as calorias ingeridas no geral, sem comprometer as comidas favoritas da pessoa.

 

A dieta dos pontos é muito comentada entre os nutricionistas, desde sua criação, por ser muito flexível e variada.

 

O cardápio pode ser formulado distribuindo 1.400 calorias no dia, o que seria representado nesta dieta por 17 a 19 pontos diários.

 

A dieta dos pontos promete a perda de até meio quilo por semana, e pode durar de 4 a  semanas. Então é fácil entrar e se comprometer com ela! Basta saber os pontos que não pode exceder, e aí escolher você mesmo o que vai comer e beber.

 

Pontuação diária

 

A quantidade de pontos que você terá disponível nesta dieta depende do seu peso inicial, e vai sendo ajustada conforme você emagrece.

 

Se uma pessoa começa a dieta pesando 70 kg, sua pontuação diária será de 18 a 23 pontos diários. Se estiver entre 70 e 80 kg, pode usar de 20 a 25 pontos por dia. Dos 80 aos 90 kg, a pontuação vai de 22 a 27 pontos.

 

Essa distribuição de pontos vai aumentando (mais ou menos) de 10 em 10 quilos, seguindo a tabela da dieta.

 

A cada 12 g de gordura, um ponto é retirado. Por isso, muitos vegetais são considerados zero-ponto, e são liberados nesta dieta (mesmo tendo algumas calorias). Algumas dessas comidas com poucos (ou nenhum) pontos ajudam com a saciedade, enchendo o estômago.

 

Como a dieta dos pontos funciona

 

Quando você conta os pontos, acaba restringindo as calorias e gorduras consumidas.

 

Já sabemos que consumir menos calorias é basicamente a chave do emagrecimento, não sendo necessário restringir demais a dieta, e podendo consumir uma variedade de alimentos saudáveis e saborosos.

 

Um déficit calórico maior leva à maior perda de peso. Ficando dentro do limite de pontos, você vai entrar em déficit calórico e emagrecer de 0,5 a 1 kg, de maneira saudável.

 

Dieta dos pontos tabela completa

tabela da dieta dos pontos

Como funciona a distribuição de pontos?

 

Os alimentos de menos pontos são essenciais para te manter satisfeito durante a dieta. As comidas que custam mais pontos tendem a ser mais gordurosas, e ricas em carboidratos refinados.

 

Os alimentos menos calóricos incluem a maioria das frutas e vegetais, bem como carne magra, derivados do leite desnatados, e grãos integrais.

 

O melhor jeito de escolher o que vai comer é entendendo como funciona o cálculo de pontos e gerenciando-os para criar um plano alimentar balanceado e sustentável.

 

A dieta dos pontos é eficiente, e bem estudada. É um dos melhores jeitos de contar calorias.

 

Os alimentos são distribuídos, no final das contas, mais ou menos de acordo com seu valor calórico.

 

De zero a dois pontos

 

  • Aspargos:  0 pontos.
  • Vegetais (a maioria):  0 pontos.
  • Morango:  0 pontos.
  • Laranja:  0 pontos.
  • Maçã:  0 pontos.
  • Mel:  0,50 ponto.
  • Uvas (um pouco): 1 ponto.
  • Três fatias de presunto:  1 ponto.
  • Um cookie:  1 ponto.
  • Manteiga:  1 ponto.
  • Ervilhas:  1 ponto.
  • Maionese light: 1 ponto.
  • 1 xícara de leite achocolatado: 1 ponto.
  • Iogurte desnatado:  1,5 pontos.
  • Mexilhões: 1,5 pontos.
  • Queijo com pouca gordura: 1,5 pontos.

 

Dois a quatro pontos

 

  • Uma porção de macarrão:  2 pontos.
  • Ovo (unidade):  2 pontos.
  • Amêndoas:  2 pontos.
  • Leite semidesnatado (um copo):  2 pontos.
  • Paté:  2 pontos.
  • Vinho (um copo):  2 pontos.
  • Batatas:  2 pontos.
  • Uma porção de peixe:  2 pontos.
  • Flan de baunilha:  2 pontos.
  • Banana:  2 pontos.
  • Croquetes (frango):  2 pontos.
  • Uma porção de lentilhas:  2,5 pontos.
  • Atum (uma lata):  2,5 pontos.
  • Sanduíche de peito de peru:  3 pontos.

 

Quatro a seis pontos

 

  • Sorvete:  4 pontos.
  • Arroz:  4 pontos.
  • Pizza (uma porção):  4,5 pontos.
  • Omelete de batatas:  5,5 pontos.
  • Purê de batatas:  6 pontos.
  • Maionese (o prato):  7 pontos.
  • Bife bovino:  8 pontos.

 

Cálculo individual de pontos

 

A quantidade de pontos que você pode comer no dia variam de acordo com alguns fatores:

 

 

  • Sexo: Mulheres começam com 7 pontos. Homens começam com 15 pontos.
  • Idade: Adicione 5 pontos se tiver entre 18 e 20 anos, 4 se tiver entre 21 e 35, 3 se tiver entre 36 e 60, 2 entre 51 e 65, e 1 ponto se tiver mais que 65 anos.
  • Peso: Adicione 5 pontos a cada 10 kg acima de 56 kg.
  • Altura: Se tiver menos que 1,60m, adicione 1 ponto. Acima de 1,60m, adicione 2 pontos.
  • Atividade física: Pessoas sedentárias não devem adicionar pontos. Se trabalhar de pé, adicione 2 pontos. Se fizer esforço físico moderado, adicione 4 pontos. Se fizer esforço intenso, 6 pontos.
  • Objetivo: Se o seu objetivo é manter o peso, adicione 4 pontos. Se quiser emagrecer, não adicione nenhum.

 

 

Ou seja: uma mulher de 19 anos, que faça pouco esforço físico e queira perder peso, medindo menos de 1,60m e pesando 55 kg, terá 18 pontos por dia.

 

Como visto, os pontos variam de acordo com características pessoais. Além disso, você tem alguns pontos flexíveis.

 

Esses pontos flexíveis podem somar até 35 pontos na semana, divididos igualmente em 5 pontos diários. Excepcionalmente, você pode guardá-los para gastar de uma só vez, em uma ocasião especial (como uma festa ou saída com os amigos), ou pode pulá-los, se quiser resultados mais rápidos.

 

Pontos adicionais podem ser obtidos se exercitando, mas estes devem ser gastos no mesmo dia do exercício, e não podem ser guardados para outra hora.

 

Cardápios básicos

Cardápio 1 (19 pontos)

Café da manhã (4 pontos)

  • Pão integral (1 ponto).
  • Geléia de frutas (2 pontos).
  • Leite desnatado (1 ponto).

 

Lanche (2 pontos)

  • Iogurte e passas (2 pontos).

 

Almoço (5 pontos)

  • Feijão feito com uma colher de chá de azeite extra-virgem (1 ponto).
  • Coxa de frango assada sem pele (2,5 pontos).
  • Vinho, uma taça (1,5 pontos).

 

Lanche (3 pontos)

 

  • 50 gramas de presunto cozido (1 ponto).
  • 1 porção de queijo fresco com baixo teor de gordura (2 pontos).

 

Jantar (5 pontos)

 

  • Salada com nozes (2,5 pontos).
  • Cereais achocolatados (2,5 pontos).

 

Cardápio 2 (25 pontos)

Café da manhã (5 pontos)

  • Café com leite semidesnatado (2 pontos).
  • Torrada de pão integral com manteiga (2 pontos + 1 ponto).

 

Lanche (3 pontos)

  • Iogurte desnatado (0 pontos)
  • Barra de cereal com chocolate (2 pontos).
  • Presunto cozido fatiado (1 ponto).

 

Almoço (7 pontos)

  • Macarrão à carbonara (5 pontos).
  • Escalope de carne bovina(2 pontos).

 

Lanche (4 pontos)

  • Uma fruta (0 pontos).
  • Um punhado de nozes (2,5 pontos).
  • Frozen yogurt (1,5 pontos).

 

Jantar (6 pontos)

  • Salada temperada com azeite de oliva extra virgem e meio abacate (4,5 pontos).
  • Omelete francesa feita com um ovo (1,5 pontos).

 

Cardápio 3 (30 pontos)

Café da manhã (6 pontos)

  • Café com leite semidesnatado (2 pontos).
  • Torrada com geléia de frutas (4 pontos).

 

Lanche (5 pontos)

  • Barra de cereal com chocolate (2 pontos).
  • Smoothie de morangos com leite semidesnatado
    (3 pontos).

 

Almoço (8 pontos)

  • Lentilhas com chouriço (5 pontos).
  • Peito de frango assado (3 pontos).

 

Lanche (4 pontos)

  • Porção de avelãs (2 pontos).
  • Biscoitos doces (2 pontos).

 

Jantar (7 pontos)

  • Salada de camarão com azeite de oliva extra virgem
    (5 pontos).
  • Iogurte de soja com frutas (2 pontos).

Written by hello

Dieta e Cardápio para emagrecer barato

Reeducação alimentar cardapio nutricionista: 10 regras de nutricionistas para a reeducação alimentar