in ,

Lichia: Benefícios para a saúde e aspectos nutricionais

Lichia: conheça os benefícios da fruta antioxidante para a pele e organismo

A lichia (Litchi chinensis) é uma pequena fruta tropical da família soapberry.

Outras frutas populares nesta família incluem rambutan, morango tailandês e longan.

As lichias são cultivadas em regiões subtropicais em todo o mundo e especialmente populares na China, de onde são nativos, bem como no Sudeste Asiático.

Conhecidas por seu sabor doce e florido, geralmente são consumidas frescas e às vezes usadas em sorvetes ou transformadas em suco, vinho e geleia.

Eles são uma boa fonte de várias vitaminas, minerais e antioxidantes saudáveis.

As lichias têm uma pele não comestível, rosa-vermelha, que é removida antes do consumo. A carne é branca e envolve uma semente escura no centro.

 

Informação nutricional

As lichias são compostas principalmente de água e carboidratos – que representam 82% e 16,5% da fruta, respectivamente.

Uma porção de 100 gramas de lichias frescas fornece os seguintes nutrientes. A tabela abaixo mostra os principais nutrientes das lichias frescas:

 

Carboidratos e fibras

Além da água, as lichias são compostas principalmente de carboidratos.

Uma única lichia – fresca ou seca – contém 1,5-1,7 gramas de carboidratos.

A maioria dos carboidratos nas lichias é proveniente de açúcares, responsáveis ​​pelo sabor doce. Eles são relativamente baixos em fibra.

 

Vitaminas e minerais

As lichias são uma fonte decente de várias vitaminas e minerais, incluindo:

  • Vitamina C: A vitamina mais abundante nas lichias. Uma lichia fornece cerca de 9% da ingestão diária de referência (IDR) para vitamina C.
  • Cobre: ​​as lichias são uma fonte decente de cobre. A ingestão inadequada de cobre pode ter efeitos adversos na saúde do coração.
  • Potássio: nutriente essencial que pode melhorar a saúde do coração quando ingerido em quantidades suficientes.

 

Resumo

A lichia é composta principalmente de água e carboidratos, a maioria dos quais são açúcares. Comparado a muitas outras frutas, as lichias são pobres em fibras. Elas também são ricos em vitamina C e oferecem quantidades decentes de cobre e potássio.

 

Outros compostos vegetais

Como outras frutas, a lichia é uma boa fonte de vários compostos vegetais antioxidantes.

De fato, foi relatado que elas contêm níveis mais altos de polifenóis antioxidantes do que várias outras frutas comuns.

Os antioxidantes nas lichias incluem:

  • Epicatequina: flavonoide que pode melhorar a saúde do coração e reduzir o risco de câncer e diabetes.
  • Rutina: flavonoide que pode ajudar a proteger contra doenças crônicas, como câncer, diabetes e doenças cardíacas.

 

Oligonol

O oligonol é um suplemento alimentar que é frequentemente mencionado em relação às lichias.

É uma mistura patenteada de antioxidantes (proantocianidinas) derivados da pele da lichia e chá verde, desenvolvida pela Amino Up Chemical Corporation no Japão.

Os antioxidantes são quimicamente alterados para aumentar sua absorção pelo intestino.

Vários estudos indicam que o oligonol pode reduzir a gordura abdominal, fadiga e inflamação após o exercício.

No entanto, como não é encontrado naturalmente nos frutos de lichia, seus efeitos na saúde não se aplicam às lichias.

 

Resumo

Como a maioria das frutas e legumes, a lichia é uma boa fonte de antioxidantes e outros compostos vegetais saudáveis. Estes incluem epicatequina e rutina. As lichias frescas não contêm oligonol, como costuma ser reivindicado.

 

Possíveis benefícios à saúde

Os efeitos da lichia na saúde ainda não foram estudados.

No entanto, incluir uma variedade de frutas e legumes em sua dieta pode melhorar sua saúde e reduzir seu risco de várias doenças crônicas.

As lichias contêm vários minerais, vitaminas e antioxidantes saudáveis, como potássio, cobre, vitamina C, epicatequina e rutina. Isso pode ajudar a proteger contra doenças cardíacas, câncer e diabetes.

Estudos em animais também indicam que o extrato de lichia pode ajudar a combater o câncer de fígado.

Ainda assim, são necessários mais estudos para confirmar os benefícios de saúde das lichias em humanos.

 

Resumo

Os efeitos da lichia na saúde ainda não foram estudados diretamente. No entanto, eles contêm vários nutrientes e antioxidantes importantes para a saúde.

 

Efeitos adversos e preocupações individuais

Quando ingeridas com moderação como parte de uma dieta saudável, as lichias não apresentam efeitos adversos à saúde conhecidos.

No entanto, as lichias têm sido associadas à inflamação cerebral no sul e sudeste da Ásia.

Se as lichias são responsáveis ​​não está totalmente claro, mas os cientistas levantaram a hipótese de que a toxina hipoglicina A pode ser responsável. Mais estudos são necessários.

Além disso, as lichias podem causar uma reação alérgica em casos raros.

 

Resumo

Embora as lichias tenham sido associadas à inflamação cerebral em partes da Ásia, é incerto que elas sejam as culpadas. Comer lichias com moderação deve ser seguro para a maioria das pessoas.

 

Conclusão

A lichia é muito comum no sudeste da Ásia e na China, mas menos comum em outros países, embora sua popularidade esteja cada vez atravessando mais fronteiras.

Ela tem um sabor doce e florido e é uma boa fonte de vitamina C e vários antioxidantes benéficos. Isso torna a lichia um excelente complemento para uma dieta saudável.

Written by hello

Seriguela: 10 benefícios da seriguela para a saúde

Pitanga: Benefícios da pitanga para a saúde