in ,

Nozes pecan: Benefícios da noz pecan para a saúde

Quais os benefícios da nozes pecan?

Os Benefícios da nozes pecan, confira!

 

A noz-pecã é um alimento básico para festas, geralmente presente em doces, como tortas de nozes e biscoitos. No entanto, além de seu sabor delicioso, essas nozes trazem muito mais à mesa em termos de nutrição.

Além de ser rica em gorduras saudáveis, proteínas e fibras, a noz-pecã também está repleta de nutrientes essenciais, como manganês, cobre e tiamina. Além disso, ela foi associada a uma série de benefícios impressionantes para a saúde, desde a melhoria da saúde do coração à melhor função cerebral e além.

Então, você sabe se a noz-pecã é boa para você? Este artigo analisará mais de perto os benefícios e os riscos dessa oleaginosa nutritiva, além de algumas maneiras simples de espremer algumas porções extras no seu dia.

 

O que é uma nozes pecan?

A noz-pecã é um tipo de oleaginosa que cresce em árvores verdejantes e exuberantes nas regiões Sudeste e Sul dos EUA e no México. Esta variedade de castanha da América do Norte, Carya illinoinensis, é cultivada há vários séculos e, surpreendentemente, não é tecnicamente uma castanha.

 

Uma semelhança entre a noz-pecã e as nozes e outras variedades comuns de oleaginosas é que elas são classificadas botanicamente como um cultivo de frutas conhecida como “drupa” ou “fruta de caroço”. As drupas contêm uma pequena semente no interior, uma concha de algum tipo ao redor da semente e um componente externo “carnudo”.

 

A noz-pecã apareceu pela primeira vez no cenário gastronômico da história dos nativos americanos por volta do ano 1500, e seu nome é originário dos Algonquins. A palavra “noz-pecã” na verdade significa “uma noz ou castanha que requer uma pedra para quebrar”.

 

Os colonos da América do Norte celebraram o plantio de noz-pecã no início dos anos 1600, com o primeiro plantio registrado nos EUA documentado em 1772. No início do século XVII, os franceses reconheceram o potencial financeiro de exportar este delicioso tratamento e começaram a enviar colheitas para as Índias Ocidentais.

 

Desde então, a noz-pecã tem sido um alimento importante e comum na cultura americana, encontrando seu caminho nas receitas, desde saladas a sobremesas. Os texanos gostam especialmente dela, pois nomearam a árvore de noz-pecã como sua árvore de estado em 1919. A noz-pecã da Geórgia também são incrivelmente comuns, pois Albany, na Geórgia, é considerada a capital norte-americana da nozes pecan.

 

Informação nutricional

Além de fornecer muitas gorduras saudáveis ​​para o coração, a noz-pecã também oferece várias vitaminas e minerais que podem proteger contra deficiências nutricionais e otimizar a saúde geral.

Uma porção de uma onça de nozes-pecã (cerca de 19 metades) contém cerca de:

A noz-pecã também contém uma pequena quantidade de riboflavina, cálcio, niacina, ácido pantotênico e selênio.

 

Benefícios da nozes pecan para a saúde

1. Atua na perda de peso

Muitas pessoas se perguntam: a noz-pecã engorda? Embora seja verdade que o perfil nutricional da noz-pecã é rico em gordura, ele é rico em gorduras saudáveis que podem ser benéficas por fornecer energia duradoura e promover a perda de peso.

Essas gorduras saudáveis ​​para o coração podem ajudar a retardar o esvaziamento do estômago para ajudar a mantê-lo mais cheio por mais tempo. Além disso, a maioria dos carboidratos das nozes é composta de fibras, que se movem pelo trato intestinal sem serem digeridas e reduzem a fome e o apetite.

De acordo com uma revisão publicada no American Journal of Clinical Nutrition, alguns estudos descobriram que comer noz-pecã como parte de uma dieta saudável pode estar relacionado a um menor peso corporal. Outro estudo de 2018 na França também relatou que uma maior ingestão de nozes estava ligada a um ganho de peso reduzido e a um risco menor de ficar com sobrepeso ou obesidade por um período de cinco anos.

2. Previne o estresse oxidativo

A noz-pecã  é rica em antioxidantes, que são compostos importantes que ajudam a proteger contra o estresse oxidativo e a inflamação. Algumas pesquisas mostram que os antioxidantes podem desempenhar um papel central na saúde geral e ajudar na prevenção de condições crônicas como doenças cardíacas, câncer e diabetes.

Curiosamente, um estudo da Universidade Loma Linda, na Califórnia, descobriu que comer noz-pecã aumentou os níveis de antioxidantes na corrente sanguínea dentro de 24 horas após o consumo. Além disso, outras pesquisas mostram que o consumo de nozes também pode estar associado a um menor risco de doenças cardíacas e câncer.

3. Melhora a saúde do coração

Alguns estudos descobriram que a noz-pecã pode ajudar a reduzir vários fatores de risco para doenças cardíacas, ajudando a manter seu coração saudável e forte.

Por exemplo, um estudo de 2018 publicado na Nutrients descobriu que o consumo de noz-pecã ajudou a reduzir vários marcadores usados ​​para medir o risco de doenças cardíacas, incluindo níveis de colesterol e pressão arterial.

Outro estudo da Califórnia teve resultados semelhantes, observando que uma dieta enriquecida com nozes pecan foi eficaz na redução dos níveis de colesterol e triglicerídeos dos participantes.

 

4. Reduz a inflamação

Embora a inflamação aguda seja um processo imune importante, a manutenção de altos níveis de inflamação a longo prazo pode piorar os sintomas de doenças autoimunes e contribuir para condições como doenças cardíacas e câncer.

O preenchimento de antioxidantes é uma estratégia eficaz para ajudar a reduzir a inflamação e combater os danos dos radicais livres. A superóxido dismutase (SOD), em particular, é um composto antioxidante que depende da presença de manganês para operar. Portanto, comer noz-pecã pode ajudar a atender aos requisitos de manganês necessários para que esse antioxidante funcione adequadamente e reduza os níveis de inflamação.

O cobre encontrado na noz-pecã também pode ajudar a diminuir a inflamação, especialmente para dores e rigidez causada pela artrite. É por isso que as nozes e outros alimentos anti-inflamatórios podem ser um ótimo complemento para um plano de tratamento da artrite.

 

5. Pode impedir a perda óssea

Em conjunto com outros nutrientes, manganês, cobre e zinco (todos encontrados na noz-pecã) foram usados ​​para ajudar a tratar os sintomas da osteoporose, uma condição caracterizada por ossos frágeis e quebradiços. Pesquisas anteriores descobriram que esses nutrientes são particularmente benéficos para aumentar a massa óssea e prevenir a perda óssea.

 

6. Promove a função cerebral adequada

Muitos dos minerais encontrados na noz-pecã podem promover a função cerebral adequada. A tiamina, por exemplo, é administrada a pacientes com síndrome de Wernicke-Korsakoff, um distúrbio cerebral comum em alcoólatras devido à deficiência de tiamina.

O cobre é outro nutriente necessário para o bom funcionamento do cérebro, pois afeta as vias cerebrais que envolvem dopamina e galactose e pode ajudar a evitar danos causados ​​pelos radicais livres para proteger contra condições neurodegenerativas como Parkinson e Alzheimer.

Os processos sinápticos do cérebro também dependem do manganês, que é abundante em nozes. Uma deficiência de manganês pode contribuir para problemas de humor, enfoque prejudicado, dificuldades de aprendizado, doenças mentais e possivelmente epilepsia.

 

7. Pode reduzir os sintomas da TPM

Graças ao seu rico conteúdo de manganês, adicionar noz-pecã à sua dieta pode reduzir os sintomas da TPM, como alterações de humor e cãibras. O manganês dietético, quando consumido com cálcio, parece ter um impacto significativo sobre esses sintomas da TPM e pode ajudar a melhorar o humor e reduzir a dor durante a menstruação.

 

8. Ajudas no tratamento da diabetes

A noz-pecã é uma grande fonte de manganês, um mineral importante que atua como antioxidante para ajudar a proteger o corpo contra os danos dos radicais livres.

Alguns estudos sugerem que suplementar sua dieta com alimentos ricos em manganês, incluindo nozes, pode ajudar no controle do diabetes. Embora a pesquisa atual seja limitada, isso pode ocorrer porque níveis mais altos de manganês estão associados a uma secreção melhorada de insulina e tolerância à glicose.

 

Riscos

Embora a noz-pecã possa definitivamente ser apreciada com moderação como parte de uma dieta saudável para perda de peso, é importante lembrar que ela é muito densa em termos de energia, o que significa que há uma grande quantidade de calorias em cada porção de noz-pecã. Por esse motivo, é melhor manter algumas porções por dia e fazer ajustes em sua dieta para levar em consideração essas calorias extras, se você estiver tentando perder peso.

 

Além disso, é possível sofrer de uma alergia a noz-pecã ou a oleaginosas. Os sintomas mais comuns ocorrem na primeira hora após o consumo de nozes-pecã e podem variar de urticária e inchaço a vômito e perda de consciência.

 

Se você suspeitar que você ou seu filho tenham alergia a noz-pecã, é importante fazer o teste com um alergista antes de experimentá-los. Sempre que achar que pode ter uma reação alérgica a nozes, você deve interromper imediatamente a ingestão e consultar um médico.

 

Finalmente, muitas pessoas se perguntam: os cães podem comer noz-pecã? Embora essa noz de árvore saborosa possa ser um ótimo complemento para a dieta humana, elas não são tão boas para seus amigos peludos. Isso ocorre porque elas contêm um composto chamado juglone, que pode ser tóxico para alguns animais, incluindo cães e cavalos. Elas também podem causar problemas estomacais ou obstrução, que podem ter efeitos colaterais graves se não forem tratados.

 

Pensamentos finais

  • A noz-pecã é um tipo de noz de árvore classificado botanicamente como drupa ou fruta de caroço.
  • Nozes-pecã são saudáveis? Existem inúmeros benefícios potenciais à saúde da noz-pecã, incluindo aumento da perda de peso, redução da inflamação e estresse oxidativo, melhora da saúde do coração, melhor função cerebral e muito mais.
  • Os fatos nutricionais da noz-pecã também apresentam uma boa quantidade de fibras, proteínas e gorduras saudáveis ​​para o coração, além de micronutrientes, como manganês, cobre e tiamina.
  • De cristalizadas, temperadas a nozes-pecã torradas, existem várias maneiras diferentes de incluir esse ingrediente nutritivo em sua dieta.
  • No entanto, lembre-se de que eles são muito densos em energia. Portanto, desfrute com moderação como parte de uma dieta saudável e completa.

Written by hello

Castanhas: 15 benefícios das castanhas para a saúde (+5 deliciosas receitas)

Bananas: 11 principais benefícios das bananas para a saúde